segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

BERINJELA RECHEADA


  



INGREDIENTES


Este prato pode ser consumido tanto frio quanto quente.
Ingredientes:
4 berinjelas (de preferência aquelas compridas mas pode ser feito com qualquer uma)
uma colher de azeite
um dente de alho
salsinha
pão amanhecido embevecido no leite ou no leite de soja
1 tomate grande ou 2 tomates médios/pequenos
sal a gosto.

Modo de fazer:



Corte as berinjelas no sentido longitudinal e retire os miolos dando-lhes uma forma de barquinha;
Coloque sal no interior das barcas enquanto corta em quadradinhos a polpa (miolo) retirado das berinjelas;
Leve os quadradinhos para fritar com o dente de alho inteiro (quem ama alho pode colocá-lo cortado bem fininho);
Quando a berinjela estiver cozida (ela perde a cor verde de perto de sua casca) retire o alho, desligue o fogo e coloque a salsinha picada, o sal e o pão espremido do leite em que ficou de molho;
Enxagúe as barquinhas que ficaram com o sal e terão soltado água, recheando-as com o recheio acima;
Cubra as barquinhas com o tomate fresco cortado em cubinhos, cubra com queijo parmesão ralado (veganos pulam podem colocar tofu) e regue com um fio de azeite por cima;
Leve ao forno pré-aquecido a 180°C por pelo menos 45 minutos.

domingo, 21 de janeiro de 2018

A SOPA QUE LIMPA O CORPO EM 3 DIAS

A SOPA QUE LIMPA O CORPO EM 3 DIAS - TAMBÉM COMBATE INFLAMAÇÕES E ELIMINA A GORDURA DA BARRIGA!

Quem resiste a uma sopa saborosa e saudável?

Difícil, não é?

Pois bem, é o caso desta sopa, que contém cinco poderosos alimentos anti-inflamatórios e desintoxicantes: alecrim, cebola, gengibre, açafrão-da-terra e inhame.

O alecrim tem os potentes antioxidantes ácido rosmarínico, carnosol e ácido carnósico.
Eles atuam combatendo e prevenindo inflamações.

A cebola é outro poderoso anti-inflamatório, além de ser ótima para "afinar" o sangue.

O gengibre é mais um ótimo anti-inflamatório natural, além de acelerar o metabolismo.

O açafrão-da-terra tem também seus agentes anti-inflamatórios e, inclusive, é considerado, por pesquisas científicas, um alimento anticâncer.

E o inhame, com reconhecida fama de excelente purificador do sangue, é mais um a enriquecer a sopa.

Por toda essas virtudes, esta sopa é ótima para compor o cardápio de qualquer pessoa, inclusive dos que querem emagrecer e alcançar saúde com a dose certa de calorias.

Vamos agora aprender a receita?

INGREDIENTES

1 xícara de abóbora descascada e picada

3 inhames pequenos

1 cenoura picada

1 tomate sem casca e sementes picado

1 cebola picada

2 dentes de alho

1 colher (sopa) cheia de gengibre ralado

1 colher (sopa) de azeite

1 colher (chá) de açafrão-da-terra

1 ramo de alecrim

1 colher (chá) de tomilho (opcional)

Sal marinho a gosto

MODO DE PREPARO

Refogar a cebola e alho no azeite até murcharem.

Acrescentar a cenoura, tomate, inhame e abóbora e refogue mais um pouco.

Coloque água e deixe ferver até amolecer.

Bata no liquidificador e leve de novo ao fogo para engrossar um pouco.

Ponha o açafrão, o gengibre, o alecrim e o sal.

Sirva em seguida.

Para uma desintoxicação, tome esta sopa no almoço e jantar por três dias

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

BATIDA DE MORANGO COM CHAMPANHE

INGREDIENTES


  • 1 caixa de morango

  • 1 lata de leite condensado

  • 2 copos de champanhe

  • Gelo

MODO DE PREPARO

  1. Pique os morangos em quatro partes.
  2. Coloque tudo no liquidificador, menos a champanhe, bata até quebrar os gelos.
  3. Junte a champanhe e bata só no pulsar apenas para misturar, e não perder o gás.
  4. Decore com morangos e sirva.

CUCA DE BANANA COM FAROFA

Ingredientes

Massa da cuca de banana:

  • 1 ovo
  • 2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 xícara de leite
  • 8 colheres (sopa) de açúcar
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 2 colheres (sopa) de fermento 
  • 8 bananas-prata cortadas em fatias
  • 1 pitada de sal

Farelo da cuca:

  • 5 colheres (sopa) de farinha de trigo
  • 5 colheres (sopa) de açúcar
  • 3 a 4 colheres (sopa) de manteiga
  • Canela em pó

Modo de preparo

Massa da cuca de banana:

  1. Misture o ovo com o açúcar, a manteiga e o sal como se fosse uma gemada.
  2. Depois acrescente a farinha, o fermento e o leite e mexa bastante para não empelotar.
  3. Unte uma forma, coloque a massa e coloque as fatias de banana em cima da massa.

Farelo da cuca:

  1. Misture todos os ingredientes com as mãos até formar uma farofa.
  2. Espalhe por cima das bananas dispostas sobre a massa.

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

NORIMAKI DE ARROZ INTEGRAL

Norimaki de Arroz Integral


Devo confessar que nem de longe posso me considerar uma adoradora de arroz integral. Prefiro milhões de vezes aquele arroz branquinho grudadinho recém-saído de uma panela fumegante. Mas, depois que vi essa receita em um programa na televisão, fiquei curiosa. Já tinha o arroz cateto integral e os demais ingredientes em casa, então por que não testar? No programa que assisti, a moça só cozinhou o arroz e enrolou. Eu decidi preparar o melhor tempero de arroz japonês de todos os tempos e adicionar ao arroz já cozido. O resultado foram esses rolinhos deliciosos e sem nenhum pouco do ranço do arroz integral, graças ao meu temperinho e ao molho shoyu que usamos para acompanhar! Incríveis!

Norimaki de Arroz Integral

Ingredientes:

1 xíc. (chá) de arroz cateto integral
2 xíc. (chá) de água
40ml de vinagre de arroz
1 colher (sopa) de açúcar
1/2 colher (chá) de sal
3 folhas de alga nori
Pepino, cenoura, abacate e cebolinha, para rechear

Modo de Preparo:

Na panela de pressão, coloque o arroz e água. Após levantar pressão, abaixe o fogo e deixe cozinhar por 15-20 minutos. O arroz estará bom quando já estiver totalmente cozido e bem grudento. Prepare o tempero: em uma tigela, coloque o vinagre, o açúcar e o sal. Leve ao micro-ondas por cerca de 30 segundos, e misture para dissolver o açúcar. jogue o tempero por cima do arroz e misture bem. Abra a folha de nori e coloque 1/3 do arroz, espalhando bem - com as mãos molhadas para evitar que o arroz grude -, deixando cerca de 2cm nas bordas sem arroz. Coloque o recheio - os meus foram de pepino com cebolinha, cenoura com pepino e cebolinha e abacate com cebolinha (o melhor de todos!). Enrole os rolinhos e corte-os com uma faca afiada umedecida com água. Sirva com molho shoyu.

RECEITA DE PÃO VEGANO

Este pão vegano rápido é perfeito para você que possui restrições alimentares e não possui muita habilidade na cozinha. Ele é tão fácil que não demora nem 10 minutos pra preparar a massa, depois é só deixar crescer e assar.
Receita de pão vegano rápido e fácil com farinha de arroz, aveia e polvilho doce
Esta receita de pão vegano rápido leva poucos ingredientes e se você está acostumado a cozinhar receitas sem glúten provavelmente já tem os ingredientes em casa. Ele leva como base a farinha de arroz, para dar liga polvilho doce e para ajudar na estrutura aveia. E sim, existe aveia sem glúten, basta procurar no setor de alimentos sem glúten do supermercado ou em casa de produtos naturais. Caso você não encontre a aveia sem glúten substitua por quinoa em flocos.
Receita de pão vegano rápido e fácil com farinha de arroz, aveia e polvilho doce
Eu confesso que tenho uma certa dificuldade de retirar os ovos das receitas de pão, os ovos ajudam muito na textura e flexibilidade da massa. Por outro lado cada vez mais pessoas descobrem que são alérgicas à proteína do ovo e aí começa o dilema do pão, se não podem comer glúten, lactose e ovos as opções de pães no mercado acabam sendo muito reduzidas, inexistente ou muito caras.
E é por isso que essa receita de pão vegano rápido veio pra salvar sua vida 😉
Além de ser muito rápida de preparar (menos de 10 minutos) ela também cresce muito rápido, pois leva água morna e isso acelera a fermentação. E como este é um pão pequeno ele também assa rápido (cerca de 25 minutos), ou seja, em aproximadamente 1 hora você vai poder degustar este delicioso pão vegano rápido.
Receita de pão vegano rápido e fácil com farinha de arroz, aveia e polvilho doce
A textura deste pão vegano rápido é muito gostosa, por fora ele forma uma casquinha bem crocante e o meio fica macio na medida certa, lembrando bem a textura de pão e não de bolo. Lembre-se de untar muito bem a forma com óleo e farinha de arroz, essa massa gosta de grudar na forma.
Se você gosta bastante de fazer pão em casa eu sugiro que você compre uma forma de silicone, com a forma de silicone é garantido que ele não vai grudar, não precisa nem polvilhar a farinha. Eu gosto de comprar formas de silicone direto da China, demora um pouco pra chegar, mas sempre chega. (Clique aqui para conferir o site onde compro minhas formas de silicone)
Eu estou usando uma forma média de silicone que mede 22 cm de comprimento, 6 cm de altura e 8 cm de largura, se você estiver usando uma forma grande de pão, dobre a receita. Quando você dobra a receita vai aumentar um pouco o tempo de forno, fique de olho na coloração da massa e sinta o cheirinho de pão fresco. Na dúvida faça o teste do palito, se sair limpo o pão vegano rápido está pronto.
Receita de pão vegano rápido e fácil com farinha de arroz, aveia e polvilho doce

INGREDIENTES:

  • 1 xícara de farinha de arroz
  • 1/2 xícara de polvilho doce (substitua por araruta, polvilho azedo ou amido de milho)
  • 1/2 xícara de aveia em flocos (use aveia sem glúten caso seja intolerante ou substitua por quinoa em flocos)
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 1/2 colher de chá rasa de goma xantana (Atenção: uso obrigatório – não exagere na quantidade se não o pão fica duro e não cresce, se não tiver colher medidora coloque a pontinha da colher de chá e veja se a massa chega na textura ideal)
  • 1 colher de sopa de açúcar mascavo (substitua por qualquer açúcar, não pode ser adoçante)
  • 1 colher de sopa de fermento biológico instantâneo (1 pacotinho 10 gramas)
  • 2 colheres de sopa de azeite (substitua por qualquer outro óleo ou gordura)
  • 1 xícara de água morna (não pode ser quente pra não matar o fermento)

MODO DE PREPARO:

  • Misture todos os secos em uma bacia.
  • Derrame o azeite por cima dos secos e vá adicionando a água aos poucos, mexendo com uma colher de pau.
  • Você não precisa sovar a massa nem mexer muito, uma vez que você consiga uma massa grossa, grudenta e homogênea, está pronto!
Receita de pão vegano rápido e fácil com farinha de arroz, aveia e polvilho doce
  • Transfira a massa para uma forma untada e polvilhada com farinha de arroz utilizando uma espátula.
  • Como a massa é muito grudenta o truque para espalhá-la de maneira uniforme é utilizando uma colher molhada. Use as costas da colher para nivelar a massa.
  • Deixe crescer em um local quentinho, eu gosto de colocar no micro-ondas desligado junto com uma xícara de água quente. O pão vai crescer e dobrar de volume em aproximadamente 30 minutos, quando passar 15 minutos do tempo de crescimento preaqueça o forno à 200º C.
  • Após dobrar de volume (+/- 30 minutos) leve o pão para assar por aproximadamente 25 minutos ou até que ele esteja dourado, com cheirinho de pão fresco saindo do forno.
  • Deixe esfriar por completo antes de cortar o pão vegano rápido, eu sei que é irresistível quando o pão está fresco, mas se não esfriar antes de cortar ele fica um pouco abatumado.
  • Sirva com seu acompanhamento preferido, eu trouxe um doce de leite caseiro direto de Minas Gerais, por isso não resisti em colocá-lo na foto 😉
Receita de pão vegano rápido e fácil com farinha de arroz, aveia e polvilho doce

DICAS:

  • Este pão vegano rápido pode ser congelado, para isso fatie o pão e coloque as fatias em um saco plástico adequado para o freezer. Atenção, não sobreponha as fatias, se não elas grudam juntas depois de congeladas. Para descongelar você pode colocar as fatias diretamente na torradeira (se você tiver uma) ou na frigideira. O pão congelado dura até 3 meses.
  • A melhor textura deste pão vegano rápido sempre vai ser no primeiro dia, a partir do segundo dia ele fica um pouco mais firme, mas é só aquecê-lo por alguns segundos na frigideira que ele volta a ficar fofinho como no primeiro dia.

O QUE `É GOJI BERRY E 5 BENEFÍCIOS DA FRUTA



Se aliada a uma dieta balanceada, esse vegetal de origem chinesa é capaz de prevenir uma série de doenças e ajudar na perda de peso

1. Goji berry afasta a gripe

Quer se proteger dessa infecção? Pois dê mais atenção à goji berry. Isso porque experts da Universidade Tufts, nos Estados Unidos, notaram o seguinte: cobaias mais velhas que tomaram uma bebida à base da fruta responderam melhor à vacina antigripe após serem expostas ao vírus da doença. “A goji berry aprimora a ação de células responsáveis por ativar unidades do sistema imune que combatem infecções”, acredita Simin Meydani, autora da investigação.
A especialista ressalta que são necessários outros experimentos para averiguar se os idosos teriam as mesmas vantagens ao apostar na fruta.

2. Melhorar a visão

Um dos destaques dessa frutinha são os carotenoides, grupo do qual fazem parte o betacaroteno, a luteína e a zeaxantina. Esta, aliás, é a grande representante da turma, já que responde por quase 60% do conteúdo de carotenoides da fruta. E já está mais do que demonstrado que as substâncias dessa classe são capazes de prevenir problemas sérios de visão, como aqueles que afetam a mácula – a parte central da retina, cuja missão é captar os detalhes.

3. Prevenir câncer

Também chama atenção a quantidade de betacaroteno presente na goji berry: seis colheres de sopa da fruta (100 g) concentram 7,4 mg desse nutriente. Para ter ideia, a mesma porção de cenoura – uma das mais famosas fontes de betacaroteno – tem 4,7 mg. Graças ao seu poder antioxidante, ele impede o aparecimento de tumores ao combater os radicais livres, substâncias capazes de provocar mutações nas células.

4. Auxiliar o intestino

As fibras – importantes para o bom funcionamento desse órgão – também são abundantes na goji. Seis colheres de sopa da fruta (100 g) têm 7,4 mg de fibras. A mesma quantidade de feijão tem 6,4 g do nutriente.

5. Ajudar a emagrecer

Se o seu principal objetivo é perder peso, saiba que a goji berry tem seus préstimos. Isso porque, na escala de índice glicêmico (IG), ela soma ínfimos 29 pontos. Alimentos com menos de 50 são considerados de baixo IG. E a vantagem disso é simples: como eles não fazem os níveis de glicose disparar, o pâncreas não precisa liberar de vez uma enxurrada de insulina no sangue para dar conta de todo o açúcar excedente. Lembrando que outra função desse hormônio é armazenar energia no corpo – inclusive na forma de gordura. Daí a importância de priorizar alimentos com baixo IG.
Quanto devo comer?
Se quiser tirar proveito de tudo isso, solução é investir na goji desidratada. Com a redução do volume, o perigo é encher a mão e, dessa forma, colocar a cintura em risco. Por isso a recomendação de consumir 2 colheres de sopa por dia, que reúnem 100 calorias, sem deixar de moderar no resto da dieta. Se optar pelo extrato, não ultrapasse 3 cápsulas ou 600 mg da versão em pó.

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

PAO DE FARINHA DEARROZ SEM GLUTEN



Ingredientes



150 gr de farinha de arroz
150 gr de polvilho doce
1 xícara de chá água morna
20 gr de fermento biológico seco ou
2 pacotinhos de 10 gr
1/2 colher de sopa de goma xatana
1 xícara de chá de açúcar
1/4 de xícara de chá de óleo de milho
1 pitada de sal
3 ovos




Como fazer


Separe uma  tigela e misture os ingredientes secos primeiro.
Não colocar o fermento junto.
Misture os ovos e o óleo.
Dilua o fermento em um pouco da água morna
Junte -o à receita, misturando o resto da água morna.
Mexa bem até a massa ficar homogênea.
Unte uma forma de pão e coloque a massa.
Separe uma colher de chá da massa para colocar
 numa xícara com água, quando a massa subir, é sinal que o pão
já cresceu e é  hora de ir para o forno pré- aquecido a 180 graus .
Fica pronto de 40 a 50 minutos dependendo do seu forno.

Dica  Pode congelar o pão.
     


domingo, 14 de janeiro de 2018

EMPADÃO DE FRANGO OU CAMARÃO



Ingredientes

 massa:
 500 gr farinha( tanto integral como de farinha de trigo)
 250 gr de margarina
 sal, 1 colher de chá

 Em uma bacia coloque a farinha, o sal e a margarina.
Amassar com as mãos até conseguir uma massa macia e não esfarelada..
Caso achar necessário, coloque  mais margarina até conseguir o ponto.
Dividir a massa em duas partes, uma parte para forrar a forma ou pirex,
a outra parte para cobrir o empadão.


 Recheio 

 1 quilo de peito desfiado
 2 cebolas médias ( preferência rocha )
 3 tomates maduros cortados em pedaços pequenos
 1 cenoura média ralada
 2 milhos cru ou 1 lata de milho
  cebola verde
 1 lata creme de leite ou nata
 sal à gosto
  azeitonas 

Maneira de fazer

Refogar a cebola até dourar
Colocar os tomates cortados
Colocar o frango, deixando dourar um pouco e criar uma água
Acrescentar o milho,  a cenoura e a azeitonas.
Mexer bem. Deixar cozinhar mais um pouco.
Juntar o creme de leite ou a nata.
Para finalizar, colocar a cebolinha

Colocar o recheio na forma já forrada com a massa.
Cobrir com a outra parte da massa.
Bater um ovo e pincelar sobre o empadão.
Levar ao forno até dourar.
 Bom apetite !!!
                                

FIOS DE OVOS FÁCEIS E SABOROSAS

COMO FAZER FIOS DE OVOS

COMO FAZER FIOS DE OVOS – BY:- Sumi Sumizano! Fios de Ovos Fáceis e Saborosos! Anote os Ingredientes…

COMO FAZER FIOS DE OVOS



COMO FAZER FIOS DE OVOS – BY:- Sumi Sumizano!

Fios de Ovos Fáceis e Saborosos!

Ingredientes:-

⇒ 12 gemas peneiradas
⇒ 1 xicara de açúcar
⇒ 1 xicara de água
⇒ 1 colher de baunilha
fio-de-ovos
COMO FAZER FIOS DE OVOS

COMO FAZER FIOS DE OVOS

Modo de Preparo:-

⇒ Leve a água, a baunilha e o açúcar para o fogo, em uma panela de fundo grosso, e ferva até o ponto de calda pérola; é quando a calda começa perder a cor transparente e vai ficando mais perolada.
⇒ Quando chegar nesse ponto, baixe o fogo, e coloque as gemas num saquinho de plástico firme, corte a pontinha, bem pouquinho pra sair fios finos, e faça movimentos de vai e vem ao longo da panela.
⇒ Pegue um garfo e junte os fios no meio da panela, retire e coloque numa peneira, faça o processo até acabar com as gemas. Escorra todo o excesso de calda na peneira e depois solte os fios com ajuda de um garfinho…
⇒ Prontinho para usar nas sobremesas e decorações…. fica lindo e saboroso, um Paraíso!

sábado, 13 de janeiro de 2018

BEBER Água durante às refeiçoes mito ou verdade ?

Beber enquanto come pode engordar, porque esse hábito dilata o estômago, fazendo com que caiba cada vez mais comida. E mesmo quando se trata de água que não tem calorias e por isso não engorda imediatamente, com o tempo a tendência é comer mais em cada refeição.
Isso acontece porque a informação de saciedade chega mais tarde ao cérebro porque o estômago precisa de mais comida se sentir satisfeito.
Além disso, beber até mesmo água durante a refeição engorda porque os líquidos roubam espaço dos alimentos sólidos no estômago o que faz a pessoa parar de comer mais cedo, mas por outro lado ela chega na próxima refeição com mais fome. Por isso esta estratégia para emagrecer está errada, aumentando inclusive os riscos de refeições maiores e menos selecionadas, que proporcionam o aumento do peso.
Outros líquidos como suco, refrigerante ou bebida alcoólica, aumentam as calorias da refeição assim como a tendencia à fermentação que pode gerar gases e provocar mais arrotos. Por isso, é especialmente contra indicado beber enquanto come para quem sofre com refluxo ou dispepsia, que é uma dificuldade em digerir normalmente os alimentos.
Quanto tempo antes ou depois de comer devo beber? Beber água durante a refeição Engorda
Apesar de não existir uma conta exata, até 30 minutos antes e 30 minutos depois da refeição é possível se ingerir líquidos sem que atrapalhe a digestão. Porém, a hora da refeição não é momento para “matar a sede” e o hábito de se hidratar durante o dia e fora das refeições é importante para diminuir a necessidade de beber durante as refeições.
Quantidade certa de líquido durante a refeição Mais de 200 mL durante a refeição pode torna-la menos nutritiva porque os nutrientes presentes na refeição podem não ser devidamente digeridos e parte das vitaminas e minerais da refeição não são absorvidas, pela diminuição da eficiência do ácido clorídrico.
A melhor forma de tomar líquidos sem engordar é tomar, principalmente, água antes e depois das refeições. Para acompanhar uma refeição é possível tomar água, suco de fruta, cerveja ou vinho, desde que não ultrapasse os 200 ml que equivale, em média, a tomar meio copo de água ou qualquer outro líquido, mas se ao final da refeição surgir sede pode ser interessante diminuir a quantidade de sal.

domingo, 7 de janeiro de 2018

PANQUECAS DE BANANA, AVEIA E CANELA


Foto: Vitalin Sem Glúten
Foto: Vitalin Sem Glúten
Ingredientes
  • 1 ovo (45g)
  • 2 colheres (sopa) de aveia Flocos Finos Integral Vitalin Sem Glúten (20g)
  • 1 banana (40g)
  • Canela a gosto

Modo de preparo
  • Em uma tigela, coloque o ovo, a aveia, a banana picada e a canela a gosto.
  • Unte uma frigideira com óleo de coco e coloque a mistura.
  • Deixe dourar dos dois lados.
  • Sirva em seguida.
Rendimento: 1 porção
Calorias: 188 por porção